[Resenha] O Colecionador de Lágrimas


    Bom dia Pessoal. Trago lhes hoje a primeira resenha do nosso blog que é sobre o livro O Colecionador de Lágrimas do escritor Augusto Cury.

Detalhes da Obra



Título: O Colecionador de Lágrimas.
Gênero: Romance, Comunicação e Ficção.
Editora: Planeta do Brasil.
Autor: Augusto Cury
N° de Páginas: 400
Sinopse: "Um professor especialista em nazismo e II Guerra Mundial, começa a ter insônia e pesadelos, como se estive vivendo as atrocidades do Nazismo. A partir disso o passado passa a ser vivo para ele. Em um ponto de desatino, sobe na mesa da sala de aula e diz que os alunos são parceiros de Hitler. Sua intenção é, na verdade, provocar a sensibilidade e a curiosidade de seus alunos. Bem quisto por alguns, mas muito criticado e até processado por outros, ele é banido da universidade. Mas fica famoso recebendo diversos convites para conferências enquanto se esconde de um estranho complô nazista que tenta a todo custo assassiná-lo. 
Seu reconhecimento como grande historiador faz com que receba um convite de cientistas alemães, que pesquisam uma máquina complexa, financiada pelas forças armadas e que usa a teoria da relatividade e da quântica para conseguir viajar no tempo. 
Mas por que ele? O convite então se torna claro: tudo o que os alemães querem é alguém com competência suficiente para voltar no tempo, matar Hitler e mudar a história. Apesar de eliminar todo o mal causado por Hitler, conseguiria ele chegar à infância do ditador e assassiná-lo. Faria ele esta atrocidade?."

Revelações 

      Inicio esta parte do post fazendo uso de algumas revelações. Confesso que esta foi a primeira obra literária que li na minha vida. Sem contar com obras infantis é claro. Eu pedi para que a minha mãe o comprasse, porque este, tinha um enredo relacionado a 2° Guerra Mundial, e como eu amava a matéria de história e o assunto na época era este, me interessei logo de cara, lendo o em um dia. Daí vocês podem tirar o quanto eu admirava história (ainda admiro). Gostaria de deixar todos cientes desde o início, que este enredo vai deixar lós confusos e agraciados. Antes de passarmos para a resenha, deem uma olhada nessa frase magnífica.




Resenha


    Me intrigou muito o desenrolar desta trama a partir do momento em que o autor faz com que o protagonista comece a ter pesadelos tão reais quanto a sua própria vida. Fazendo com que o leitor se prenda aos sonhos e comece a entrar na vida do personagem. A vida de Júlio piora no momento em que ele sente que esta sendo observado e começa a ser atacado por estranhos que aparentam ser Neonazistas ( Novos Nazistas).
    Eu particularmente acho esse que esse livro é um dos maiores clássico do autor. August Cury tem uma mente brilhante, ele simplesmente consegue nos atrair com os mistérios e acontecimentos que parecem não ter nexo no começo, mas que no decorrer da historia, se mostram muito bem elaborados.
    Gostei muito da escrita do autor, não apenas nesta obra como em outras que já li, principalmente devido ao fato como ele constrói brilhantemente a mente e a personalidade de seus personagens, mostrando as fraquezas, os medos e as angústias.É admirável saber que  através de Júlio Verne (protagonista), o autor nos mostra um resumo assustador da Segunda Guerra Mundial, alem de explanar corretamente o que outrora acontecia o Holocausto.
    Na minha opinião o livro só tem um ponto fraco que é: Uma leitura cansativa no começo. Fazendo com que as pessoas que não possuem paciência abandonem a leitura imediatamente. Só deixando claro que estas afirmações tem base na minhas conclusões e na de alguns amigos que o leram.
    Em relação aos pontos positivos eu tenho vários. Entre eles estão: A boa escrita (já citei acima), desfecho totalmente interessante dos personagens, grande quantidade de citações bibliográficas( que nos dão uma maior confiança na obra), e o final arrebatador que nos deixa com uma dor no coração, alem de coloca nas nossas mentes, milhares de perguntas a respeito do que acontecera. Ou melhor, aconteceu. No meu ponto de vista uma obra que nos faz refletir sobre a vida e sobre o quão o homem pode ser ruim.


    Os pontos positivos anulam os negativos. tornando a obra recomendável e digna de uma nota máxima no nosso blog. Em outras palavras, eu não deixo de recomenda esta obra para vocês, por esta merecer uma nota 5/5. Não se esqueçam de se inscrever no blog e comentar aqui.




Colunista: Líbero Alves :)

Todos os direitos autorais e de imagem reservados a Editora Planeta.
Tecnologia do Blogger.